Índices futuros dos EUA saltam 4% e batem “limite de alta”; bolsas da Ásia têm movimentos mistos

SÃO PAULO – Os índices futuros dos Estados Unidos sobem forte na noite desta segunda-feira (16) indicando que as bolsas podem ter um dia de alívio nesta terça após Wall Street registrar perdas históricas no último pregão.

Às 22h40 (horário de Brasília), os três índices futuros bateram o chamado limite de alta, saltando 5%, suspendendo as negociações por alguns minutos.

Em seguida os índices amenizaram os ganho: o Dow Jones futuro tinha alta de 3,15%, enquanto o S&P 500 futuro avançava 3,30%, ao passo que o Nasdaq subia 3,36%.

No pregão regular, mais cedo, o Dow Jones desabou 13% e teve seu pior dia desde 1987 enquanto o Nasdaq caiu 12%, registrando sua pior sessão na história.

A piora ocorreu após o presidente Donald Trump afirma que os EUA “podem estar” entrando em uma recessão e que o pior do surto do novo coronavírus pode durar até agosto.

Ásia sobe e Filipinas fecha a bolsa

Enquanto isso, na Ásia, a terça-feira começa com desempenhos positivos, se recuperando as fortes quedas registrada no pregão anterior. O Asia Dow tem alta de 0,14%, enquanto na China continental, o Xangai Composto recua 0,25%.

O índice acionário japonês Nikkei registrava alta de 0,7% em Tóquio, enquanto o Hang Seng tem leve alta de 0,10% em Hong Kong, ao passo que o sul-coreano Kospi opera entre a estabilidade e leves perdas. Na Oceania, o índice australiano ASX 200 salta 3%.

Já a Bolsa de Valores das Filipinas suspendeu as negociações a partir de terça-feira “para garantir a segurança de funcionários e negociadores diante dos crescentes casos do coronavírus”.

O fechamento faz parte de uma quarentena mais ampla de um mês que o presidente Rodrigo Duterte anunciou na ilha principal de Luzon. A quarentena envolve o fechamento de redes de transporte e a limitação das operações comerciais, informou a Reuters.

O país registrou 142 casos confirmados de coronavírus desde o meio-dia de segunda-feira, de acordo com seu Departamento de Saúde. O índice de referência das Filipinas caiu 7,91% no fechamento de segunda.

Na China, o Centro Nacional de Saúde anunciou que foram 21 novos casos de Covid-19 no país na segunda, sendo 20 atribuídos a pessoas que viajaram, levando o total de casos importados para 143.

13 pessoas morreram, sendo 12 na província de Hubei, onde o coronavírus teve início. O total de casos na China chegou a 80.881, dos quais 68.679 foram curados e 3.226 morreram.

Já o Centro de Controle e Prevenção de Doenças da Coreia relatou 84 novos casos, elevando o total do país para 8.320. Houve seis mortes, com o número total de mortos chegando a 81.

Aproveite as oportunidades para fazer seu dinheiro render mais: abra uma conta na Clear com taxa ZERO para corretagem de ações!

The post Índices futuros dos EUA saltam 4% e batem “limite de alta”; bolsas da Ásia têm movimentos mistos appeared first on InfoMoney.

Distribuição / Melhor Hoje / Fonte

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *