black Friday melhor hoje ofertas e promocoes

Pela primeira vez uma empresa pode lançar uma alternativa de carne inteira cortada no mercado que se comporta como carne animal, diz cofundador. Start-up israelense expande negócio com proteína vegetal impressa em 3D
A startup israelense Redefine Meat expandiu as operações para a Europa, onde espera chegar a milhares de restaurantes até o final do ano que vem e serviu pela primeira vez seus cortes inteiros à base de vegetais da carne impressa em 3D.
O lançamento foi em Israel, na Alemanha, Holanda e Reino Unido.
A receita é uma mistura de proteína de soja e ervilha, grão de bico, beterraba, leveduras nutricionais e gordura de coco, que imita o bife de flanco, também conhecido como bavette.
Brasil já faz hambúrguer, linguiça e até bolinho de ‘siri’ com plantas e grãos
A empresa, que até agora trabalhou com cerca de 150 restaurantes em Israel, disse que os cortes inteiros vão ampliar o apelo de produtos alternativos de carne, que têm sido principalmente limitados a pratos de carne moída, incluindo hambúrgueres e salsichas.
Adam Lahav, cofundador da empresa e diretor de negócios, disse: “Este é o Santo Graal da carne alternativa. Esta é a primeira vez que uma empresa pode lançar uma alternativa de carne inteira cortada no mercado que se comporta exatamente como a carne.”
Seus cortes maiores de carne alternativa são mais complicados de produzir e ainda estão em evolução. A empresa planeja construir cinco fábricas em Israel, Europa, Estados Unidos e Ásia nos próximos anos.
Carne wagyu, a mais cara do mundo, ganha versão artificial criada com impressora 3D
Conforme a tecnologia avança e melhora o sabor e a variedade de carnes alternativas, as vendas no setor podem chegar a US$ 140 bilhões em 2029, cerca de 10% do mercado mundial de carnes, estima o Barclays.
A competição já é alta, com concorrentes como Beyond Meat BYND.O da Califórnia e Impossible Foods e Novameat da Espanha.
Para uma perspectiva, no início deste ano, a Fazenda Aleph de Israel, que está desenvolvendo um método para cultivar carne em laboratório a partir de células de vaca, arrecadou US$ 105 milhões.
Assista também: boi wagyu tem a carne mais cara do mundo
Conheça o boi wagyu, que tem a carne mais cara do mundo
Vídeos: tudo sobre agronegócios

Melhor Carteira Bitcoins conta gratis

binance-wallet-bitcoin-brasil

Distribuição / Melhor Hoje / Fonte Google News