black Friday melhor hoje ofertas e promocoes

Ainda falta um órgão do governo federal aprovar a medida para que todos os americanos com mais de 18 anos tenham acesso a uma dose de reforço. Painel de cientistas discute quem deve tomar a dose de reforço nos EUA
O órgão responsável por tomar decisões sobre remédios nos Estados Unidos, a Administração de Alimentos e Drogas (FDA, na sigla em inglês) decidiu expandir a campanha para a dose de reforço para todo o país nesta sexta-feira (19).
Ao menos 10 dos 50 estados americanos já tinham começado a oferecer dose de reforço.
Leia também
Covid-19: França anuncia dose de reforço para idosos e condiciona passaporte sanitário válido a aplicação de vacina
Estado de SP começa nesta quinta aplicação da dose de reforço da vacina contra Covid-19 em adultos
Biden incentiva dose de reforço contra Covid nos EUA
A política não foi adotada oficialmente pelo governo federal dos EUA ainda porque é preciso de uma sinalização de um outro órgão, o Centros de Controles de Doenças (CDC, na sigla em inglês), que tem que concordar em expandir a autorização das vacinas da Pfizer e Moderna para incluir a possibilidade que elas sirvam como dose de reforço.
Se o CDC concordar com isso, dezenas de milhões de americanos devem ser vacinados antes mesmo do fim do ano.
A dose de reforço será válida para todos os americanos com pelo menos 18 anos que tomaram a última dose há pelo menos seis meses.
As pessoas que tomaram a vacina da Johnson & Johnson já podem tomar a dose de reforço.
O presidente dos EUA, Joe Biden, recebe a dose de reforço contra a Covid-19 na Casa Branca em Washington em 27 de setembro de 2021
Kevin Lamarque/Reuters
As três vacinas dão proteção e diminuem o risco de gravidade ou morte em caso de Covid-19, mas a proteção contra a infecção tem diminuído com o tempo.
O governo já tinha autorizado a dose de reforço, mas era só para grupos mais vulneráveis ou idosos.
Veja os vídeos mais assistidos do g1

Melhor Carteira Bitcoins conta gratis

binance-wallet-bitcoin-brasil

Distribuição / Melhor Hoje / Fonte Google News