black Friday melhor hoje ofertas e promocoes

OMS relembra problema da violência de gênero em meio à pandemia. Atos na Cidade do México e em Istambul tiveram tumulto. Coliseu em Roma, na Itália, iluminado em vermelho nesta quinta (25), no Dia Internacional de Eliminação da Violência Contra a Mulher
Remo Casilli/Reuters
Manifestantes foram às ruas em várias do mundo nesta quinta-feira (25), Dia Internacional da Eliminação da Violência Contra as Mulheres. Além dos atos, monumentos como o coliseu foram iluminados com a cor vermelha.
A data, apoiada pela Organização das Nações Unidas (ONU), celebra um pedido coletivo para todo o planeta eliminar a violência de gênero. Neste ano, a Organização Mundial da Saúde (OMS) relembrou que mais mulheres ficaram expostas com o agravamento da pandemia de Covid-19.
‘Juntas somos mais’: mulher protesta contra a violência de gênero em Santiago, no Chile, nesta quinta-feira (25), Dia Internacional de Eliminação da Violência Contra a Mulher
Ailen Diaz/Reuters
“Em todas as nossas vizinhanças, há mulheres e meninas vivendo em perigo. Por todo o mundo, conflito, desastres relacionados à mudança climática, insegurança alimentar e violações dos direitos humanos estão exacerbando a violência contra a mulher — Sima Bahous, chefe da ONU Mulheres.
Os protestos foram pacíficos na maioria das vezes. Houve, porém, confrontos com forças de segurança em cidades como Istambul, na Turquia. Também registrou-se violência na Cidade do México.
Veja FOTOS das manifestações abaixo.
Dia Internacional de Eliminação da Violência Contra a Mulher: protestos em Buenos Aires, Argentina, nesta quinta (25)
Mariana Nedelcu/Reuters
Na Cidade do México, manifestantes quebraram e colocaram fogo em escudos policiais durante ato do Dia Internacional de Eliminação da Violência Contra a Mulher nesta quinta (25)
Raquel Cunha/Reuters

Melhor Carteira Bitcoins conta gratis

binance-wallet-bitcoin-brasil

Distribuição / Melhor Hoje / Fonte Google News