CPI: Senador quer ouvir Queiroga sobre vacinação de adolescentes


CPI: Senador quer ouvir Queiroga sobre vacinação de adolescentes

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, foi ouvido pela segunda vez na CPI em junho

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, foi ouvido pela segunda vez na CPI em junho

Marcelo Camargo/Agência Brasil – 08.06.2021

Integrante da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19, o senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) apresentou nova convocação do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, para ouvi-lo sobre a vacinação de adolescentes. Após estados e municípios começarem a aplicação, Queiroga suspendeu nesta quinta-feira (16) a recomendação de vacinar irrestritamente adolescentes entre 12 e 17 anos. Segundo o ministro, devem ser vacinadas apenas pessoas nessa faixa etária com deficiências permanentes, comorbidades ou privadas de liberdade.

O vice-presidente da CPI, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), também apresentou requerimento pedindo informações sobre o planejamento vacinal dessa faixa etária. O pedido se dá pelo fato de o Ministério ter publicado no dia 2 deste mês uma nota informativa recomendando a vacinação de adolescentes sem comorbidade. 

Nesta quinta, Queiroga afirmou quase 3,5 milhões de adolescentes entre 12 e 17 anos receberam a vacina. O ministro criticou a ação, dizendo que os estados deram início à aplicação antes da data prevista. Os secretários de Saúde dos estados, por sua vez, demonstraram surpresa com a suspensão, como já mostrado pelo R7. “Quem fica surpreso sou eu. Porque a vacinação deveria iniciar no dia 15 [de setembro] e, inclusive, foram feitas imunizações com vacinas fora das recomendações da Anvisa”, afirmou Queiroga.

Se o requerimento for aprovado e a oitiva for marcada, será o terceiro depoimento de Queiroga. Ele foi ouvido pela primeira vez em 6 de maio, e pela segunda vez no dia 8 de junho.

Distribuição / Melhor Hoje / Fonte Google News